Tecnologia do Blogger.

.

RSS

I've got my visa!

Olá meninas e talvez algum menino =D

Nossa eu estou tão feliz, tão feliz, tão feliz que eu tenho vontade de andar pela rua fazendo estrelinhas e dando cambalhotas! Eu tive TPV, tensão pré-visto. Eu estava com muito medo, toda vez que via um visto negado no grupo meu coração se apertava. No fundo eu sabia que tinha tudo para ser aprovado (idade, formação, trabalho) mas tinha um porém... família. Minha família é pobre mesmo, meu pai está desempregado (nem mora comigo) e minha mãe e meu irmão ganham bem pouquinho. E eu ganho um pouco mais que o bem pouquinho hehehe mais ainda sim... Coloquei meu avô como sponsor (ele é aposentado e ganha um pouquinho a mais que eu). Tudo no pouquinho e a minha temida pergunta era: O que os seus pais fazem? Adivinhem? Ele perguntou isso! Mas como a super linda da Débora Ferri (ídola) transformou vendas de tapioca em um negócio de alimentos, eu fiz mágica e transformei copeira em Assistente de uma empresa de alimentos e desempregado que faz bico de pedreiro em Assistente de engenheiro. Não menti! Maqueei.

Minha entrevista estava marcada hoje às 07:30, mas no agendamento pedia para chegar 30 min antes. Cheguei 7h certinho (milagre) e fui direto para a fila, ela conferiu o agendamento e riscou meu nome da lista e grampeou o comprovante do DS-160, taxa Sevis, o J1 (DS) que a agência manda, a foto feia (horrorosa) e o comprovante do Citybank.

Gente, me deu uma vontade enorme de chorar, sem motivo, aliás ansiedade pura. Eu tive que fazer um controle imenso porque eu não queria aparentar nervosismo. Eu queria muito esse visto. Todas queremos, né?

Uma fila do caramba lá dentro... quanto mais cedo, mais gente, só pode! A Audrey foi dois dias antes no horário das 11h e estava super vazio. Continuando... assim que você entra eles ficam com seus documentos e te dão uma senha rosa (para as digitais) e perguntaram se a entrevista poderia ser em inglês e eu disse que sim (gravem bem essa minha resposta). Esperei bastante até o 798 ser chamado. Quando me chamaram, entregaram meus documentos, uma senha branca (senha de quem é entrevistado em inglês - chamam mais rápido) e uma tarja branca junto com os documentos para te identificar como quem vai ser entrevistado em inglês (porque a fila é uam só). Fui para a fila das digitais e minha mão suando horrores... tive que secar duas vezes cada vez (mão esquerda os 4 dedos, mão direita os 4 dedos e por último os dois polegares). As mocinhas das digitais são super simpáticas! Pelo sotaque, a que me atendeu fala espanhol. (Eu dei bom dia, ela respondeu bom dia e perguntou "tudo bem?", eu respondi "sim e você?", ela disse "tudo bom :) ou bem? como é o certo?" uma simpatia! Eu disse "bem" sorrindo =D

Depois voltei para esperar chamarem para a entrevista, sentou um rapaz do meu lado e me perguntou "Do you speak English?" eu gelei e disse que "mais ou menos". Ele pediu para eu falar em português o número da senha dele tadinho, não falava nada de português. Nisso eu me distraí e fiquei batendo papo com ele e não vi chamarem minha senha branca (aham, muito retardada). Quando eu vi que estava no 20 sempre em sequencia e eu era a 12, eu fui perguntar a menina do "posso ajudar?" e ela falou, "pode ir, já foi chamada a muito tempo". Mereço, né? :)

Na fila eu comecei a ficar tensa querendo ouvir as entrevistas, mas estava tão cheio que não dava para ter muita noção. Mas as duas mulheres que estava entrevistando só em inglês eram meio estranhas e eu comecei a entrar em pânico. Quando perguntaram quem ia ser entrevistado em inglês eu não respondi, escondi a senha e a tarja branca para ter mais tempo para pensar. Quando me posicionaram eu comecei a ficar com a consciência pesada e perguntei para o organizador da fila se ainda podia fazer a entrevista em inglês (a medrosa hahaha) ele disse "não, você é a próxima dele, pode ficar aí". Okay... ele manda! :)

Vamos a parte principal! Quando a outra pessoa saiu lá fui eu:

L: Larissa
C: Consul

L: Bom dia - sorrindo e com a mão tremendo mais que folha seca na ventania

C: Bom dia. O que vai fazer nos Estados Unidos?

L: Au pair

C: Como você soube? (com o português bem ruim)

L: Na feira de intercâmbio que teve na minha faculdade.

C: O que você estuda?

L: Eu já sou formada. Estudei administração na PUC.

C: Quando você terminou?

L: No final de 2010.

C: O que você faz?

L: Trabalho em uma editora. (nota zero para mim, nem falei meu cargo ¬¬ nem falei que era editora de livros ¬¬ tava muito tensa)

C: O que os seus pais fazem?

L: Não é da sua conta! Minha mãe trabalha como Assistente em uma empresa no ramo de alimentação e meu  pai é assistente de engenheiro.

Digita, lê, digita, digita, digita

C: Why do you want to go to the United States?

L: Because I want to improve my English so when I come back I can do my MBA and master degree and get a good ob in my area (gente essa não era a minha resposta ensaiada, mas eu estava nervosa e não sei de onde tirei MBA).

C: Your English is good *mentiroso* Você vai fazer MBA lá?

L: Não! *cara de espanto total* vou fazer quando eu voltar, preciso do inglês fluente para isso, é muito importante

C: E onde você vai fazer? *assinando meu DS*

L: Na FGV, Fundação Getúlio Vargas (aham, a rica, ai que sonho!) - já em choque porque ele assinou meu DS

C: Vai ficar 1 year nos Estados Unidos?

L: WTF, respondo em inglês ou português? Sim, Yes!

C: Bastante tempo, vai aprender falar muito bem o inglês. - Devolveu tudo meu, menos o passaporte, e eu em choque esperando as palavras mágicas porque estava só

L: *sacudindo a cabeça concordando com um esforço tremendo porque eu estava muito em choque*

C: Parabéns, seu visto foi aprovado

L: *sem reação/estátua/tentando lembrar o que falar* Finalmente: Obrigada, have a nice day! Bom dia!

Sério, queria pular, cantar, gritar, principalmente: abraçar alguém!!! Masss a Isaura tinha que ir para o trabalho, e já estava atrasada, porque saí dos correios às 9h! Preechi o formulário errado hahaha anta! Mas estava nervosa, tenho desconto.

Quando saí dos correios, desabei. Comecei a chorar pela rua e andando. Não pude nem me dar ao luxo da "privacidade" do ônibus porque estava mega atrasada para o trabalho, lá vou eu pegar o metrô cheio com todo mundo olhando para minha cara e as lágrimas correndo sem parar com uma única frase repetindo pela minha cabeça mil vezes "Obrigada, Senhor! Obrigada, Senhor! Obrigada, Senhor!"

Sorry pelo testamento =D

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

13 recados:

Ma Cirne disse...

Larissa que legal...PARABENS!! vc merece..e ficou nervosa a toa neh???podia ter feito em ingles mesmo..heheheheheh

Parabéns...tudo de bom e muita sorte ai!!! bjosss

Lanna Rezende disse...

Nossa Larrisa que legalll =D
Estou msmo muito feliz por vce, mto msmo !!
Eu acabei de ficar on nem falei com nenhuma familia e tbm morro de medo do visto,
Fiquei feliz por Ti
=D
Bjos

flaviaguerra disse...

Larissa! Nossa, adorei o post! Me senti nele, meu visto é próxima semana no Rio também, tou tão nervosa! Medo também pela questão dos meus pais, e muita coincidência, eu também trabalho em uma Editora da livros, igual a você. Hehe. Parabéns! P.S: No final das contas é melhor esconder a folha de que a entrevista é em inglês ou mostrar? beijo

Nathalia Garcia disse...

Laahh, que história fantástica.
Me emocionei junto com você enquanto lia.
Parabéééééns pelo visto aprovado, é uma conquista.
É mais um passo para o sonho se tornar realidade.
Estou muito feliz por você !!!
Beijos

gabyyhh ucker \VONDY/ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
gaby disse...

Larissa! Meus parabens!(comecei a ler seu blog a alguns dias e estou adorando!)
Fiquei imaginando quando chegar minha vez(ainda estou no começo... tirando passaporte =/ )
c/ ctz vou ficar mega nervosa.
Fiquei mt feliz por vc! E boa sorte!
Bjssss

Audrey (seraupairoquee.blogspot.com) disse...

eu nem preciso te falar que eu ja sabia neh amora???
claroooooo que vc ia conseguir!!!
=p
Já te falei que sua vaga no céu ta garantida, tu num credita em mim não???
Noos vemos nos states baby, ahhh se tudo der certo eu vou tentar te ver na semana do treinamento que vc vai estar em ny taah??
bjãaaao queridona!!

Larissa França disse...

Ma Cirne, obrigada! Nossa nem me fale! Os nervos ficam a flor da pele, ainda bem que deu tudo certo :D

Larissa França disse...

Lanna Rezende, obrigada! Espero que chovam famílias legais no seu perfil e que você feche o match com uma excelente família!

Larissa França disse...

Flavia Guerra, espero que você tenha conseguido o visto! Eu não me arrependi de ter escondido a folha não rs na verdade eu não deveria nem ter pego (eles dão a opção logo na entrada). Fiquei curiosa para saber qual a editora :D

Larissa França disse...

Nathalia Garcia
Nath, muuuuuuuuuuuuuuito obrigada! Ainda tem muito chão pela frente, mas espero que tudo dê certo. :)

Larissa França disse...

gaby, obrigada!!! Vai se preparando com calma e tenha fé, porque vai dar tudo certo! Ahhh vc é/foi fã do RBD, que tuydo, eu também!!! hahahaha

Larissa França disse...

Audrey, bebezona obrigada!!! Estava mega atrasada aqui com os posts :S Toda sorte do mundo aí nos EUA, logo logo estou chegando aí! :D

Postar um comentário